NOTÍCIA
13 Setembro 2014

A performance “A Torre Fulminada”,  deriva  do projecto HARPOEMACTO, foi  apresentada no âmbito na Noite Branca de Braga .

Entre o dias 14 de Julho  e 1 de Agosto deste ano, a Fundação Bracara Augusta, em parceria com a Câmara Municipal de Braga, abriu concurso para intervenções artísticas que visassem integrar a iniciativa “Braga Vai Passar a Noite em Branco 2014“. De acordo com fonte oficial, foram submetidas cerca de 170 candidaturas. Apenas 13 foram aprovadas. Uma dessas candidaturas foi “A Torre Fulminada”, uma deriva eso-poética do projecto HARPOEMACTO – Horto de Punhais.
Este acto poético/performativo tomou como ponto de inspiração para a sua concretização um dos Arcanos Maiores do Tarô, neste caso em concreto, a carta XVI, comummente designada como “A Torre”, “A Torre da Destruição”, ou ainda, “A Casa de Deus”, estabelecendo um ponto de íntimo contacto entre a importância simbólica do número 7,  e os pressupostos intrínsecos à Numerologia Pitagórica.

1MOMO - CópiaA TORRE FULMINADA
Torre de Menagem, Braga | 13 de Setembro 2014
Performance/Acto Poético com  Nuno Marques Pinto (Voz, Dramaturgia, Poemas), Angélica Salvi (Harpa), Júlio Mendes Rodrigo (Investigação e Dramaturgia), Rafael Cortés (Operação de Luz e Som), Miguel Carneiro (Cenografia) e Dayana Lucas (Desenho Gráfico)

Co-produção: ANDRÓMEDA Agenciamento & Produção + Projecto MOMO + Oficina ARARA
Apoio: Fundação Bracara Augusta

«O seguro não é seguro: é terrível.»
Martin Heidegger

Advertisements